Gramado apresenta reivindicações à EGR sobre a RS 235 | Soup News
Você está aqui
Home > Cidades > Gramado apresenta reivindicações à EGR sobre a RS 235

Gramado apresenta reivindicações à EGR sobre a RS 235

Secretário de Trânsito, Luiz Evando Sá Quevedo, com o diretor técnico da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Milton Cypel, em vistoria na RS 235 (Quevedo à esquerda na foto 200 e à direita na foto 201). Crédito: Carlos Borges/Prefeitura de Gramado

Durante reunião realizada nesta quinta-feira (26), no gabinete do prefeito Fedoca – João Alfredo de Castilhos Bertolucci (PDT), os secretários Simone Bender (Governança e Desenvolvimento Integrado), Luiz Evando Sá Quevedo (Trânsito e Mobilidade Urbana) e Flávio Souza (Obras) apresentaram ao engenheiro e diretor técnico da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Milton Cypel, uma série de reivindicações relativas, principalmente, à RS 235, que liga Gramado e Canela, e compete à empresa.

Uma das pautas da reunião foi o reforço em toda a sinalização viária na RS 235 (km 35 ao km 41), estrada que liga os municípios de Gramado e Canela, visto que frequentes acidentes ocorrem naquela via. Em 2016, foram 42 acidentes, envolvendo 82 veículos com 32 vítimas, conforme dados fornecidos pela Polícia Rodoviária de Gramado. “Não houve vítimas fatais, mas é necessário melhorias a fim de evitar novos acidentes”, explica o secretário de Trânsito e Mobilidade Urbana, Luiz Evando Sá Quevedo. “Ainda no dia de ontem, enquanto vistoriávamos a via, ocorreu outro acidente envolvendo um carro da Brigada Militar”, conta Quevedo.

Em virtude disso, a administração municipal apresentou à empresa a possibilidade de instalação de duas sinaleiras para pedestres na rodovia, nos dois pontos de maior índice de acidentes, próximo às lombadas eletrônicas. “Primeiramente, esta medida foi descartada pelo engenheiro, mas no dia 9 de fevereiro faremos uma nova reunião com os executivos da EGR para avançar nas tratativas dos temas abordados”, destaca.

Ainda na rodovia Gramado/Canela, foi identificado local de alagamento. “Essa situação acaba prejudicando a trafegabilidade dos veículos e causa um transtorno aos usuários do transporte público, pois ali existe uma parada de ônibus”, explica Quevedo.

A poda da vegetação existente no canteiro central da rodovia, em frente ao Super Carros e próximo ao Posto Abastec, também foi solicitada. No primeiro caso, onde já aconteceram acidentes com vítimas fatais, os arbustos altos prejudicam a visibilidade dos motoristas. No segundo caso, pedestres também são prejudicados por haver naquele local uma faixa destinada a eles.

Outros assuntos apresentados pelos secretários no encontro foram a viabilidade de construção de uma rótula na RS 115, no cruzamento com a Avenida 1º de Maio, acesso à Serra Grande, e outra no cruzamento com a Rua Faustino Rossi, acesso aos bairros Vila do Sol e Altos da Viação Férrea. “Essa é uma antiga reivindicação da comunidade da Várzea Grande”, explica a secretária de Governança, Simone Bender.

Isenção de pedágio

Na mesma reunião, Simone reforçou o pedido de isenção do pagamento de taxas de pedágios para os moradores próximos das praças de pedágios entre os municípios de Gramado e Três Coroas, e Gramado e Nova Petrópolis.

O prefeito Fedoca destacou que esta isenção é importante para aqueles moradores, mas que é necessário desenvolver mecanismos eficientes de fiscalização. Cypel, por sua vez, pediu ajuda do município no levantamento destes dados e no controle desta concessão. O assunto continuará sendo debatido em outros encontros.

Texto: Marlova Martin

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo