Você está aqui
Home > Cidades > Gramadozoo premia vencedores de concurso de redação sobre papagaio Charão

Gramadozoo premia vencedores de concurso de redação sobre papagaio Charão

Em parceria com as secretarias de Educação e Meio Ambiente, o Gramadozoo premiou, na manhã desta segunda-feira, 1°, os vencedores do concurso de redação “Papagaio-charão: ave símbolo de Gramado”, onde três alunas da rede municipal de educação foram premiadas.

O objetivo do concurso, lançado na 12ª Semana do Meio Ambiente, foi estimular a pesquisa, promovendo a educação ambiental e usando o papagaio-charão como espécie bandeira para a conservação da Mata de Araucária. O concurso também buscou apoiar a campanha da Sociedade Brasileira de Zoológicos (SZB), que instituiu 2016 como o Ano do Papagaio.

O primeiro lugar do concurso ficou com a aluna Lauren Andrieli Machado de Moura, da Escola Senador Salgado Filho, que recebeu um computador como prêmio. Em segundo, ficou Jéssica Dalpiaz Müller, da Escola Mosés Bezzi, e o terceiro com Marlena Dambros, da Escola Dr. Carlos Nelz – Caic. Todas receberam um bicho de pelúcia da ave-símbolo de Gramado.

Os 41 trabalhos finalistas foram avaliados por uma comissão de jurados que buscou analisar não somente a escrita, mas também o contexto educacional e cultural. Os participantes do concurso foram alunos do 9° ano do ensino fundamental.

“Procurei mostrar no texto que o papagaio merece ter seu habitat preservado. Fiquei emocionada por ter tocado e sensibilizado as pessoas”, afirma a aluna vencedora, Lauren Andrieli Machado de Moura.

Leia a redação vencedora:

O futuro depende de nós!

Por Lauren Andrieli Machado de Moura

Era um dia comum de inverno. Estava caminhando, como normalmente faço, quando me deparei com um moço prestes a cortar um pinheiro. Parei e pensei:
– Porque nós podemos ter uma moradia e os papagaios não?
Me senti mal. Fui até ele pedir para que não fizesse aquilo. Ele não me escutou! Suplicante, coloquei-me na sua frente e falei que não ia deixar que fizesse aquilo. É onde o papagaio-charão vive, cria seus filhotes e se alimenta do famoso pinhão – seu alimento preferido.
O homem pediu que eu saísse de sua frente. Concedi, porém pedi para que me escutasse mais um pouco e, já com lágrimas nos olhos, olhei para ele e disse:
– Então, recicle suas ações e queira prosperar! Preserve a natureza pro seu filho aproveitar. Erga a mão pro alto, faça a diferença. Esteja sempre em paz com a sua consciência!
Ele me olhou nos olhos e disse que eu estava certa. Largou a motosserra no chão, virou as costas e saiu me deixando sozinha. Saí de lá com um sorriso no rosto. Onde existe preservação, existe futuro!

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo