Você está aqui
Home > #Destaque > Nonno Mio no 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado

Nonno Mio no 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado

Foto: Cleiton Thiele

Nonno Mio em contagem regressiva para o 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado

Completando 35 anos de atividade, restaurante apresenta cardápios especiais e comemora mais uma edição do seu projeto Ensina-me a Ser Chef.

Tradicional restaurante da Serra Gaúcha, o Nonno Mio está em festa: além de completar 35 anos de atividade em Gramado com planos de expansão, a grife gastronômica alinha seus últimos preparativos para nova participação no Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado, o maior do gênero na região. Inspirado nas cozinhas alemãs e italianas, o Nonno Mio hoje calcula uma venda média de 10 mil refeições por mês, boa parte delas do galeto primo canto, seu carro-chefe, e é administrado pela dupla de primos Felipe e Laura Andreis, que representam a terceira geração da família à frente do negócio.

Fotos: Cleiton Thiele

Tour e Estações Gastronômicas

Para o Festival de Gastronomia, que acontece entre os dias 5 e 15 de outubro em diversos pontos e restaurantes da cidade, o Nonno apresenta opções clássicas de seu cardápio, além de pratos preparados especialmente para o evento gramadense, sob a coordenação do chef Cassiano Melo. Para o tradicional Tour Gastronômico, o Nonno preparou um delicioso entrecot com salsa crioula e arroz biro biro.

Já para as Estações de Rua, a presença é dupla: a clássica grife Nonno Mio servirá ragu de costela acompanhado de arroz biro biro, batata palha e torradinha com chimichurri, enquanto o Nonno Mio Fast Gourmet, restaurante com releituras modernas dos tradicionais pratos do Nonno, prepara para a ocasião um sanduíche de milanesa com molho roquefort, servido com batata chips.

Mario e Pedro Andreis (ao fundo) e Laura e Felipe Andreis (frente) – Credito Cássio Brezolla

 

Ensina-me a Ser Chef: projeto social com as escolas de Gramado completa seis anos em 2017 

Durante o Festival de Gastronomia, o Nonno Mio também apresenta, na Cozinha Experimental da Rua Coberta, o prato vencedor de um dos seus projetos mais queridos: oEnsina-me a Ser Chef, que chega a sua sexta edição. A proposta do Ensina-me começa a cada ano com um trabalho junto à Secretaria de Educação do Município com a seleção das escolas que se habilitam a participar do Projeto. A partir daí os chefs e cozinheiros do restaurante Nonno Mio passam a trabalhar junto aos alunos e às merendeiras das escolas públicas participantes, utilizando os itens que compõem a merenda escolar para elaborar um prato de Chef, digno de restaurante, na própria instituição de ensino, promovendo um concurso nos moldes profissionais. Esse ano são nove escolas que participam do Ensina-me a Ser Chef, muitas delas repetindo a experiência de anos anteriores.

Após semanas de preparação e imersão no mundo da gastronomia com os cozinheiros do Nonno, os alunos, com idade de 7 a 14 anos, se encontram na cozinha profissional do SENAC em Gramado e têm uma hora para preparar os pratos definidos previamente. As equipes têm uma hora para finalizar seus pratos e são avaliadas por um corpo profissional de jurados. A escola e o prato escolhidos serão conhecidos no dia 4 de outubro e a apresentação na Cozinha Experimental será no 07 de outubro, às 10h.

 

Nonno Mio recebe El Enemigo no Festin, dia 14 de Outubro

Seguindo a proposta desta edição do Festival de Gastronomia de unir as culturas brasileiras e argentinas, a partir da harmonização de vinhos e gastronomia, o Nonno Mio participa ainda dos conceituados Festins, jantares de vagas limitadas e realizados em restaurantes selecionados, com pratos que unificam os sabores de Brasil e Argentina ou reeditam receitas tradicionais dos dois países. Quem assume a cozinha do Nonno durante seu Festin, no dia 14 de outubro, é o chefconvidado Santiago Maestre, da Casa El Enemigo, de Mendoza. Confira vinhos e menu:

 

– Chardonay – Primeiro Prato. Tartar de truta salmonada com mousse de abacate e aromas de laranja

– Bonarda – Segundo Prato. Coelho em conserva com abóbora assada

– Cabernet Franc Gualtallary – Terceiro Prato Principal. Copa defumada caseira com humita mendocina e confit de tomates

– Malbec – Quarto Prato Sobremesa. Layer de chocolate com geléia caseira de cítricos

 

Sobre o chef Santiago Maestre

Nascido em Mendoza, Santiago tem 33 anos e vive em Luján de Cuyo. Sua primeira incursão na cozinha foi de mãos dadas com a sua nona Maria, que o aproximou à cozinha de suas origens.  Graduou-se no Instituto Malvinas Argentinas, onde obteve seu título de Técnico Superior em Gastronomia. Ele foi premiado com a Medalha de Ouro na competição internacional COCINARTE em 2012. Foi Chef instrutor na IGA MENDOZA por 9 anos, de 2006 a 2015. Desde 2004 é Chef da Cuyo Gourmet Catering – Mendoza. Em 2010 foi o Chefe da Cúpula do Mercosul do Presidente Hugo Chávez e Chef da Cúpula do Mercosul do Presidente Evo Morales. Além disso, tem participado como Jurado em subgrupos do Concurso Cucharon de Oro/Mendoza. Atualmente ele é Chef da Casa El Enemigo, onde surpreende os comensais com sua cozinha pessoal.

 

Sobre o Nonno Mio

Inspirado na gastronomia alemã e italiana, o Nonno Mio e o Casarão do Nonno se firmaram como casas tradicionais na cidade de Gramado. O toque diferenciado está em toda parte, em cada detalhe, desde as receitas elaboradas, com uma pitada a mais de sabor, aos ambientes charmosos, bem decorados e localizados. O Nonno Mio, restaurante filiado a Associação da Boa lembrança, é uma casa que preza pela qualidade e tradição há 35 anos. Hoje servindo uma média de 10 mil refeições por mês, o Nonno registrou, no primeiro semestre de 2016, crescimento de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. O Objetivo é expandir a operação do fechando pelo menos mais uma nova franquia fora de Gramado até o fim de 2017. A primeira já está em operação na cidade de Joinville (SC), desde maio.

 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo