Você está aqui
Home > #Destaque > R$: 50 milhões em negócios

R$: 50 milhões em negócios

Salão de Gramado comemora o crescimento do evento

A edição de 2019 foi um divisor de águas em relação aos demais anos com novas ações que beneficiaram e valorizaram o Salão de Gramado colocando-o na vanguarda como palco dos lançamentos das indústrias moveleiras do polo Sul com geração de negócios acima de 50 milhões.

 

A 7ª edição do Salão de Gramado, que aconteceu entre os dias 10 a 13 de junho, no pavilhão Serra Park, trouxe inovações no seu formato e aumento de 8% no número de expositores em relação a 2018 e aumento do público visitante em 3,4% que as edições passadas. Segundo a organização do evento, o Salão de Gramado de 2019 foi um divisor de águas com as novas ações incorporadas como os conteúdos por meio de talks e debates sobre os assuntos mais relevantes que permeiam o setor moveleiro, o Primeiro Projeto Comprador em parceria com a Abimóvel e Apex-Brasil e o investimento em divulgação trazendo jornalistas e influenciadores digitais de várias regiões do país.

“O resultado foi visível, tivemos 439 novos lojistas visitando o Salão de Gramado este ano”, comemora Marcio Magnus, diretor executivo, “Acreditamos que as inovações este ano beneficiaram e muito o posicionamento do Salão de Gramado no mercado de eventos do setor, estas nossas novas ações trouxeram conhecimento e os conteúdos debatidos valorizaram e qualificaram os expositores, dando a todos uma nova visão sobre os assuntos de grande importância para os fabricantes e nossos objetivos foram alcançados colocando os holofotes da grande mídia especializada para o evento e dando maior visibilidade nacional à feira”, conclui.

Ao total foram 4041 visitantes lojistas e especificadores e mais de 90 expositores que geraram negócios acima de 50 milhões em b2b. Nesta edição aconteceu pela primeira vez o Projeto Comprador em parceria entre a Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário (Abimóvel) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos (APEX- Brasil) que investem na internacionalização e valorização do design nacional por meio do Projeto Brazilian Furniture.

O Projeto Brazilian Furnitire levou para o Salão de Gramado 14 empresas importadoras das Américas e Europa com foco no fomento aos negócios e projeção do móvel brasileiro no mercado internacional, promovendo rodadas de negócios entre grandes compradores mundiais e 45 indústrias brasileiras durante os dias 12 e 13 de junho e projetou mais de US$10 milhões nestas rodadas.

“Contamos com um balanço bastante positivo da ação ao longo de 2019”, aponta Maristela Longhi, presidente da Abimóvel. “Estamos muito orgulhosos com mais esta importante parceria para inserção e fortalecimento do móvel brasileiro no cenário internacional. A Abimóvel vem trabalhando de forma estruturada e efetiva tanto no incentivo às exportações quanto na melhoria do ambiente de negócios e no diálogo com o governo federal e o Congresso Nacional”.

Talks do Salão e Wish List

 

Com curadoria da designer Marta Manente a edição deste ano trouxe debates de temas relevantes no cenário moveleiro. O Talks do Salão trabalhou com a seleção de conteúdos e profissionais que pudessem contribuir com a evolução do setor e da feira. Segundo a designer, foram selecionados para os painéis do Talk profissionais dos quatro cantos do Brasil, pessoas influentes no setor e escolhidas estrategicamente para a potencialização do Salão de Gramado e para o reposicionamento da feira com a maior e melhor feira de móveis de alta decoração do país. “Foram debatidos durante os quatro dias do evento assuntos contemporâneos relacionados a todos os públicos da feira: expositores, lojistas, arquitetos, designers com temas relacionados à comunicação, à arte, à arquitetura e ao design, tudo para incentivar as empresas e os expositores a buscarem diferenciais com produtos autênticos, porque só com a inovação teremos indústrias rentáveis sem comparativos no mercado de preços nem imagens”, afirma Marta Manente.

Os temas foram polêmicos e enriquecedores. No primeiro dia do Talks do Salão “ Como as redes sociais influenciam no comportamento do consumo”, subiram ao palco os influenciadores digitais Giselle Martos @lardocecasa, Lyvia Ferreira @eudecoracaoblog e Flavio Pio @meuprimeiroap intermediados pelos jornalistas Allex Colontonio e André Rodrigues @decornautas e debateram sobre as mudanças que as redes sociais causaram nos últimos 10 anos, suas experiências, suas escolhas, como manter seus seguidores sempre informados com as últimas tendências, a importância do posicionamento das marcas em seus feeds e quais estratégicas mais assertivas para dar visibilidade ao conteúdo e presença digital relevante sem compras de likes e seguidores. Os influenciadores concordam que um bom conteúdo com histórias do produto, processo criativo, instagramáveis e integridade e autenticidade do design e projeto garantem o sucesso.

No segundo dia o Studio Prestes @studioprestes levou ao debate conversa sobre design e arte aplicadas à decoração e à arquitetura com a jornalista Eleone Prestes, a artista plástica Mariana Prestes e Cezar Prestes que conduziu um bate papo repleto de referências, conteúdos e olhar único. Reflexões sobre a arte, sendo esta não só bela, mas uma expressão sensorial.

Design assinado foi o tema do terceiro dia do Talks do Salão com a presença dos designers convidados Bruno Faucz @brunofaucz, Emerson Borges @borges5750, Sergio Batista @knowhow.studio e Marta Manente @studiomartamanente com a medição dos jornalistas Allex Colontonio e André Rodrigues do @decornautas. Assunto polêmico trouxe ao debate as questões como manter a originalidade do desenho autoral e a importância deste tema trazendo a discussão com o público sobre a propriedade intelectual, o valor agregado à empresa, o processo criativo e a polêmica sobre as cópias. O debate que deveria ter apenas 30 minutos seguiu-se por duas horas.

O Novo Morar Urbano fechou o ciclo dos Talks com a presença das arquitetas gaúchas Lidia Maciel @lidiamacielarquiteta, Cris Mioranza @crismioranza e Camila Fleck @arquiteta.camilafleck com a intermediação do publisher Fernando Rodrigues da revista Visual Design @visualedesign que discutiram as mudanças na formatação das famílias contemporâneas como as comportamentais, diversidades e as necessidades de cada uma, os novos lay out, o bem receber com ambientes compartilhados, apartamentos estúdios, a valorização e otimização dos espaços e a importância da segurança, automação, sustentabilidade e acessibilidade foram temas do último painel do Talks do Salão de Gramado.

Esta edição inédita do Talks do Salão teve por objetivo trazer à luz discussões pertinentes ao mercado moveleiro e foram dias intensos e repletos de conteúdos construtivos.

Os melhores do Salão

Outra iniciativa inédita desta edição do Salão de Gramado foi o selo Wish List. Os influenciadores e jornalistas tiveram a missão de elegerem sob sua ótica o objeto de desejo do Salão. As empresas foram agraciadas com os selos Wish List por Giselle Martos, Lyvia Ferreira, Flavio Pio e Decornautas. O pario ficou disputado entre as empresas Lovato e Karam’s Estofados que receberam o maior número de selos pelos seus produtos. Os influenciadores e jornalistas levaram em consideração o design, a inovação e a originalidade da peça.

Seguem as empresas vencedoras do Wish List do Salão: Lovato, Karam’s Estofados, Casa Libre, Vimes Nadal, Sulandês Estofados,Arcidealle, Memor, KZ Home Stock, Klassic Estofados, Masotti, KG Almofadas, L’Envie Parfum, Sol Design, Bell Design, Wamovel Design, Asiatex, Meridiano, Neoali, Wingert, Marcos Caratta, Casa Bonita, Casa da Pedra, Mayer Móveis, TS e RK Móveis de Ferro.

“Os benefícios colhidos com estas propostas inovadoras como os Talks do Salão, Projeto Comprador e Wish List, são inúmeros e todos são benefícios coletivos, onde todos ganham, o setor todo fica mais forte, o setor moveleiro fica competitivo e o Salão de Gramado se estabelece na vanguarda como palco de lançamentos de produtos da Serra Gaúcha para o Brasil e para o mundo”, posiciona a designer Marta Manente, que além da curadoria do Talks do Salão e da criação do selo Wish List, também fez a curadoria dos espaços coletivos que foram o Talks do Salão e a sala VIP de imprensa, para os quais convidou e envolveu todos os expositores na decoração destes espaços colaborativos e no lounge do Decornautas que estava dentro do Projeto Comprador, da Abimóvel.

Mais informações: www.salaodegramado.com.br

 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo