Você está aqui
Home > Cidades > Raio X da Saúde em Gramado

Raio X da Saúde em Gramado

Raio X da Saúde em Gramado: números mostram aumento de investimento pela Prefeitura

Aumento de 41% na compra de medicamentos, em 77% na aquisição de fraldas geriátricas, em 100% no número de participantes da academia municipal. Com consultas, exames e especialidades médicas, o investimento foi de mais de R$ 3,2 milhões. Mais de 10 mil pacientes foram transportados para consultas em outros municípios. Esses e outros números da saúde em Gramado foram apresentados, durante uma coletiva de imprensa, pelo prefeito João Alfredo Bertolucci, o Fedoca, e o secretário da Saúde, João Teixeira. O vice-prefeito, Evandro Moschem, também esteve presente.
“Trata-se de uma prestação de contas sobre as ações e os investimentos da administração neste setor tão importante. Os atendimentos em Gramado superam os de todos os municípios em que já passei. Estamos em um patamar superior ao de todas as cidades da região e do país. Nosso objetivo é tornar Gramado mais saudável, é a segurança social por meio da segurança da saúde”, disse o prefeito Fedoca.

O secretário João lembrou que cada vez mais a União e o Estado têm transferido para os municípios a responsabilidade pela área da saúde. Em um ano e meio, por exemplo, a administração aumentou em R$ 250 mil o repasse mensal ao Hospital Arcanjo São Miguel. Em 2017, foram repassados R$ 17.114.010,31 ao hospital, entre recursos do Município, Estado, da União e via empréstimos, também do Município. Em 2016, foram R$ 11.675.444,29.

No caso de exames, uma realidade pouca vista em outros municípios: ao final da consulta, o paciente já tem o exame autorizado pela Secretaria. “A saúde não pode esperar. A agilidade é extramente importante, como em pacientes de oncologia”, frisa o secretário.

Com a aquisição de medicamentos regularizados, a farmácia municipal já prestou mais de 75 mil atendimentos em 2017, quando aproximadamente 5 milhões de unidades de medicamentos foram dispensados.

“Quando assumimos a administração, mais de 30 tipos de medicamentos estavam em falta. Nunca a farmácia municipal esteve tão abastecida como agora. Se falta algum medicamento, é por conta de algum problema no laboratório que o produz ou aqueles repassados pelo Estado que são dispensados na mesma farmácia”, enfatiza João.

Outro dado divulgado refere-se à diminuição dos cargos de confiança do setor administrativo da Secretaria da Saúde. Em 2018, são 27 CCs e FGs. Dez a menos que em 2016, quando havia 37 CCs e Fgs.

Em 2018 – Para este ano ainda estão previstos a reforma do abrigo municipal, a implantação de novas equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF’s), a construção da Academia do SUS e a construção do posto de saúde da Várzea Grande. Em andamento, está a construção de saúde do posto Floresta, que iniciou em junho.

CONFIRA OS NÚMEROS DA SAÚDE EM GRAMADO

Mais investimento: 25,70% do orçamento

Em 2017, a Prefeitura de Gramado investiu R$ 41.237.376,32 na saúde dos Gramadenses. O valor representa 25,70% do orçamento, maior que o ano de 2016, quando foram investidos 22,24%.

Neste ano, os investimentos já somam R$ 17.680.462,43.

Aumento de 41% na compra de medicamentos

– Em 2017, o investimento na compra de medicamentos beirou R$ 1 milhão de reais. Foram investidos R$ 980.259,91 no ano passado, contra R$ 693.481,06 no ano de 2016, o que representa um aumento de 41,35%;

– Em 2017, foram dispensados aproximadamente 5 milhões de unidades de medicamentos e realizados mais de 75 mil atendimentos nas farmácias;

– Até maio de 2018, já foram investidos R$ 474.937,98 na compra de medicamentos e dispensados mais de 1,7 milhão até abril. O número de atendimentos foi de 25.063 nas farmácias.

Consultas e especialidades médicas – Investimento de mais de R$ 3,2 milhões

– Estão ativos 35 contratos de terceirizados de especialidades médicas, como equoterapia, quiropraxia, exames laboratoriais, mamografias, ecografias e tratamentos odontológicos;

– Serviços médicos: Em 2018, já foram investidos R$ 415.052,47. Em 2017, o investimento total foi de R$ 579.085,60;

– Exames: Em 2018, já foram investidos R$ 560.467,31. Em 2017, o investimento foi de R$ 1.672.790,82.

Aumento de mais de 77% na compra de fraldas

O investimento em fraldas para idosos e pacientes acamados aumentou em mais de 77% de 2016 a 2018. Em 2016, foram investidos R$ 72.375,85. Já em 2017, foram investidos R$ 97.936,00. A prospecção é que o investimento em 2018 seja de R$ 128.520,00.

Repasses e empréstimos para o hospital – aumento de 46,58%
Em 2017, foram repassados R$ 17.114.010,31 ao Hospital Arcanjo São Miguel, entre recursos do Município, Estado, da União e via empréstimos. Em 2016, foram R$ 11.675.444,29.

Causa animal

Investimento em 2016 – R$ 986.412,08
Investimento em 2017 -R$ 1.039.659,36

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo