Você está aqui
Home > #Destaque > SENHORAS E SENHORES, RESPEITÁVEL PÚBLICO, EIS O FANTÁSTICO CIRCO DE PAPEL!

SENHORAS E SENHORES, RESPEITÁVEL PÚBLICO, EIS O FANTÁSTICO CIRCO DE PAPEL!

Foto: Eduardo Macedo/Soup News


paty_vialePor: Paty Viale
E-mail: patyviale@soupnews.com.br


E as cortinas se abrem. Um cenário feito em papel e papelão está montado no palco do Teatro Municipal de Canela. Personagens de papel aparecem, toca música. O que acontecerá neste circo? Problemas! A banda de músicos foi embora e só restou uma vitrola, uma cigana enigmática, o homem mais forte do mundo, o domador de felinos ferozes. Mas algo ameaça a todos: as traças.

A traça é o terror do papel e todos ficam preocupados com o destino do Fantástico Circo de Papel, espetáculo montado pelo Grupo Girino, de Belo Horizonte, na noite de encerramento do 28° Festival Internacional de Teatro de Bonecos.

Os personagens estão apavorados, pensando em como irão mudar o cenário. O papel toma conta e aos poucos se mistura com personagens humanos. O toque idealista da peça se dá com um Flautista que quer encantar no circo com sua música.

Uma prefeita chega ao circo e promete ajuda no combate às traças, mas em troca quer que sua filha, a Bailarina. A moça precisa ensaiar muito. Seus movimentos são perfeitos e num dos ensaios ela conhece o Flautista e eles se apaixonam.

No meio do romance, as traças colocam muitos ovos, de onde sairão milhares de traças. O palco é tomado por bolinhas de papel que poderão se tornar um desastre grandioso. Uma grande descontaminação de traças acontece no palco. O circo está livre das traças e um novo Circo de Papel acontece. As traças? Ganharam uma passagem só de ida para Marte.

A interação com o público é constante. Muita música e cor garantem dinamismo ao espetáculo. No final, as palmas são constantes e o Grupo Girino agradece por termos entrado nesta aventura repleta de papéis especiais.

 

Fotos: Eduardo Macedo/Soup News

 

Notícias Similares

Deixe uma resposta

*

Topo